Arquivo do autor:KAMBAMI

Sobre KAMBAMI

Quode natura date, nemo negare potere.

SOL SE PONDO

    SOL SE PONDO por Cláudio El-Jabel   Hoje olhei pela janela, Sim para ver o belo pôr do Sol, Mas na hora de pegar a máquina, A mente me pregou outra de suas peças, Esqueci onde a guardara, … Continuar lendo

Publicado em POEMA | Marcado com , , , , | 2 Comentários

ONDAS DO MAR

  ONDAS DO MAR por Cláudio El-Jabel     Lembro, Lembro das noites enluaradas, Do som das ondas do mar, Dos barulhos da passarinhada, Indo seu galho firmar, Lembro dos brilhos nas estrelas, E seus reflexos na areia, Do ar … Continuar lendo

Publicado em POEMA | Marcado com , , , , | 1 Comentário

BORA

  BORA por Cláudio El-Jabel   Os ventos daqui não uivam, Eles socam, Chamam-no de Bora, Ele aparece de repente, Te toca e se aflora, Como um nocaute, Pode te deixar desacordado, Pois se te derruba, É apenas, Ai coitado, … Continuar lendo

Publicado em POEMA | Marcado com , , | 4 Comentários

DEPRESSÃO

  DEPRESSÃO Por Cláudio El-Jabel   Dias de nuvens cinzentas, Sem o calor da claridade, Sentimentos ocultos, Visões da verdade, Não são as nuvens em si, São as percepções que processo, O vento que sopra ao rosto, É vento bem … Continuar lendo

Publicado em POEMA | Marcado com , , , , | 6 Comentários

BRINCANDO NO CÉU

por Cláudio El-Jabel     Resolvi aproveitar a bela exibição, E fazer minha primeira apresentação, Sempre achei complicado as tecnologias, Gosto mesmo de papel e lápis nas escritas e fantasias, Aqui uma foto tirada por Juliana, Em uma apresentação área … Continuar lendo

Publicado em POEMA | 7 Comentários

TRIESTE

  TRIESTE por Claudio El-Jabel   Hoje é domingo, Estou contando as horas, Estou contando os picos, Estou contando estrelas, Estou contando as unhas, Tudo por dois motivos, Viajar…no ar, Parece piada, Mas é desconfortante, Ver aquele monstro de metal, … Continuar lendo

Publicado em POEMA | Marcado com , , | 3 Comentários

MUNDO NOVO, MENTE VELHA

  MUNDO NOVO, MENTE VELHA Cláudio El-Jabel   Hoje começo de forma parecida, Mas não é um desabafo, É apenas observação, Algo que gosto e por mais que tente amenizar, Não dá, Gosto de observar gente, Comportamentos, Enfim… O que … Continuar lendo

Publicado em POEMA | Marcado com , , , , , , , , | 4 Comentários

DESORDEM CRONOLÓGICA

    DESORDEM CRONOLÓGICA por Cláudio El-Jabel E então me dizem, Acalme seu coração, vai escrever, E eu digo que prefiro olhar as coisas, Contar as ondas, Ver o Sol nascer, Nada de muito diferente, Apenas valorizo esse universo, E … Continuar lendo

Publicado em POEMA | Marcado com , , , , , | 6 Comentários

HOMENAGEM A MEU IRMÃO CLAUDIO TANCREDO

HOMENAGEM A MEU IRMÃO CLAUDIO TANCREDO   Óh doce Iyabá, Mãe das águas, Mãe dos Orí, Levaste meu amigo, meu irmão, Aquele a quem sempre me estendeu suas mãos, Não estou bravo, Estou desencontrado, Assim como os barquinhos que lhe … Continuar lendo

Publicado em POEMA | Marcado com , , , , | 2 Comentários

PARÁBOLA POR ACASO

  PARÁBOLA POR ACASO por Cláudio El-Jabel   Plantei e assim que o fiz não parei de olhar, Queria ver aquela semente germinado, Afinal foi com carinho e esmero o trabalho, Passei a namorá-la todo dia após dias, Até que … Continuar lendo

Publicado em POEMA | Marcado com , , , | 4 Comentários