VOLTAR A SER CRIANÇA


VOLTAR A SER CRIANÇA

por Cláudio El-Jabel

Faz de conta,

Apenas uma vez,

Faz de conta,

Seria algo muito bom,

Traria paz ao coração,

Afinal não seríamos todos irmãos?

Então o que espera?

Faz de conta,

Estamos em uma nova era,

De nada adianta essa guerra,

Ela mata e fere somente,

Pensa em outra forma,

Acorda,

Haja com o pensamento futurista,

Não se deixe afetar na preguiça,

Acorda Vladimir,

Acorda Zelensky,

Vocês semeiam o ódio entre gentes,

Então faz de conta,

Faz de conta que ainda somos criança,

Vamos fingir que nada disso é a vera,

Vamos partir para outra esfera,

Se espera,

O povo morrendo,

Sofrendo,

O mundo pisando em ovos,

O perigo da paciência acabar,

Ai sim, todos teremos pouco tempo pra chorar.

Sobre KAMBAMI

Quode natura date, nemo negare potere.
Esse post foi publicado em POEMA e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Obrigado pela visita, seu comentário é mais que importante é fundamental!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s