IDENTIDADE


IDENTIDADE

IDENTIDADE

por Cláudio El-Jabel

Se existe algo que flutua como dúvida em muita gente é exatamente descobrir sua identidade seu real objetivo principal na vida. Essa dúvida muitas vezes disfarçada e escondida vai se decifrando com o passar do tempo, com as vitórias e derrotas, com os prazeres e desprazeres naturais do viver.

Há de se ter confiança sempre que tudo independente de nosso entendimento, pois já se defini bem antes da consciência. Alguns levam uma vida inteira na procura de respostas quando as mesmas já existem. Apenas se revelam com o tempo e com as escolhas. Achar que isso seja um aquário ou uma “matrix”, diria que numa visão rápida sem muito explicar podemos assim definir e afirmar num sim. Então não esperem por respostas prontas, elas virão de formas soletradas e cabem-lhes apenas estar em movimento para formar as frases. Vivam, mesmo que possa lhes parecer algo difícil, débil ou insignificante. Não se importem com códigos determinados, apenas protejam-se de não violá-los e receber punições pelos mesmos.

Falta bem pouco, afinal a consciência muitas vezes nos chega quando o tempo nos trai. Na infância a brincadeira é o foco, na juventude as aventuras, na meia idade a estabilidade principalmente financeira e nem sempre dentro desse tempo a plena consciência do existir assume sua real grandeza de esclarecimento, claro que há áreas ou caminhos que nos propiciam essa vantagem logo em princípio, mas nem todos tem o talento, o gosto ou mesmo se percebem disso. Muitos já nascem sem o sentido de descobrir, ou por receberem de herança a falsa ilusão de apenas estalar os dedos para tudo obter ou simplesmente por ignorarem o seu eu interior e ao perceberem que isso não os levou a lugar algum se suicidam internamente quando não de forma pior.

Onde gostaria de chegar?

Gostaria de chegar ao que sempre me propus, reciclar, distribuir, reinventar, incentivar, mediar, indicar, trocar, e tanto mais que possa vir a dar sentido a uma sociedade viva, respeitosa e responsável, indiferente a pequenices quando estas mesmas não venham agregar valores e sim rejeitar diversidades culturais.

Temos por obrigação já que somos eleitos como “racionais”, extirpar de vez e de forma rápida tudo que não nos traz a paz, o amor e a solidariedade. Nosso tempo se esgota, nosso tempo não para, nossas ideias devem se manter vivas, alimentadas e redistribuídas, para tornarem-se cada vez mais fortes, mais coerentes e mesmo mutantes, ainda assim visar nossa permanência de ser gente do bem, sempre.

Copyrighted.com Registered & Protected  MFBL-NKVQ-CEFD-H49N

“Na vitrola…”

Anúncios

Sobre KAMBAMI

Quode natura date, nemo negare potere.
Esse post foi publicado em REFLEXÃO, TEXTOS, VÍDEO e marcado . Guardar link permanente.

14 respostas para IDENTIDADE

  1. Difícil. Gente do bem. Sempre.

    Como tua doçura faz falta esses dias…

    Curtido por 2 pessoas

  2. Panografias disse:

    Boa noite Cláudio El-Jabel… seu texto é como arroz doce rsrsrsrs ( gosto tanto de arroz-doce que impossível não repetir ). Gostei e degustei por demais da conta! Um grande e forte abraço!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Silvia Souza disse:

    Maravilhoso seu texto, Claudio!
    A maior dificuldade é que algumas respostas vêm apenas com o tempo, com a maturidade (ou não existem respostas na maioria das vezes) e os mais jovens têm sempre pressa…
    Adorei este parágrafo em particular:
    “Gostaria de chegar ao que sempre me propus, reciclar, distribuir, reinventar, incentivar, mediar, indicar, trocar, e tanto mais que possa vir a dar sentido a uma sociedade viva, respeitosa e responsável, indiferente a pequenices quando estas mesmas não venham agregar valores e sim rejeitar diversidades culturais.”
    Vai de encontro com tudo o que eu penso também!
    Um beijo grande e um lindo domingo!

    Curtido por 2 pessoas

  4. Lunna Guedes disse:

    Uma leitura que pede releituras

    Curtido por 3 pessoas

  5. A. disse:

    E você, descobriu seu propósito? Me parece tão difícil sabia?!
    Obrigada por sua reflexão. Ah! E que bela música embala esse post!

    Curtido por 3 pessoas

  6. mariel disse:

    Viver, de propósito, um dia depois de outro dia. Belos pontos.

    Curtido por 1 pessoa

Obrigado pela visita, seu comentário é mais que importante é fundamental!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s