CARREGANDO A CRUZ


 

 

CARREGANDO A CRUZ
por Cláudio El-Jabel

Lembrei-me que amo,
Amo de mais e chego a ser incompreendido,
Lembrei-me que sofro,
Sofro demais que julgam sofrer sem sentido,
Lembrei-me que nasci forte,
Forte demais que não deveria esmorecer,
Lembrei-me que me importo,
Importo-me de mais com você,
Foi então que percebi que sou fraco,
Fraco assim como foi Jesus,
Que com toda sua grandeza,
Permitiu-se que lhe colocassem na cruz.

Copyrighted.com Registered & Protected 
WWGP-4YLR-5YHM-2GOH

Sobre KAMBAMI

Quode natura date, nemo negare potere.
Esse post foi publicado em POEMA, REFLEXÃO, RELIGIÃO e marcado . Guardar link permanente.

8 respostas para CARREGANDO A CRUZ

  1. Silvia Souza disse:

    Achei lindo também…
    Só não acho que Jesus foi fraco… sacrificar-se por amor (seja a uma pessoa ou a várias) é um ato muito lindo e muito nobre… (acho que sou romântica demais, né?)

    Curtido por 1 pessoa

  2. Belíssimo poema. Ë para ler e ler e ler de novo… guardar pra vida. Abrs

    Curtido por 1 pessoa

Obrigado pela visita, seu comentário é mais que importante é fundamental!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s