NOSSAS DÍVIDAS


NOSSAS DÍVIDAS

NOSSAS DÍVIDAS

Por Cláudio El-Jabel

 

Estava imaginando o que as pessoas pensam ou afirmam,

Quando falam de si mesmas ou de seus feitos,

Nenhum de nós pode se dizer correto,

Há diversas dívidas embutida no viver,

Uma das mais comuns na nossa é matar para sobreviver,

São tantas as coisas que podemos enumerar,

Que faltaria papel para descrever,

Desde pequeno vamos somando em nossas listas,

Seja na papinha que engorda,

Ou em guerras de aniquilação,

Até a pesca de distração,

São tantas vidas que retiramos,

Seja para alimento quando bate a fome,

Nas guerras onde matamos o próprio homem,

Ou apenas no passa tempo à beira mar,

Quando o pobre do peixe nossa isca vem se alimentar,

Tente somar as vidas que retiramos,

E não se furte da nomenclatura,

Seja carnívoro ou mesmo vegano,

Não se iluda todos matam da mesma forma,

Isso não é um simples engano,

Não há como fugir dessa sina,

Retirar a vida de um ser vivo,

Para manter a nossa,

E há quem com isso fique prosa,

Qualifica-se como Ser evoluído,

Quando a bem da verdade é igual a qualquer outro,

Que nesse tipo de vida e de mundo,

Vive cada um de comer o outro,

Pagar essa dívida não tem como,

Se nos alimentamos até mesmo do que acreditamos,

Come-se o corpo de Cristo em cada missa,

Bebe-se de seu sangue como vampiros,

Disseminam o amor em seu ídolo,

E dilaceram seu corpo distribuindo aos amigos,

Somos mesmo um tipo de vírus,

Algo que serve apenas para viver do consumo,

Se pudesse eu no meu pensar dar destino,

Não daria caminho e sim um resumo,

Colocaria a obra prima na mão do criador,

E diria a ele com a verbalização afiada,

Sinto muito senhor, mas o que criaste não vale nada.

 

Anúncios

Sobre KAMBAMI

Quode natura date, nemo negare potere.
Esse post foi publicado em POEMA, REFLEXÃO e marcado , . Guardar link permanente.

9 respostas para NOSSAS DÍVIDAS

  1. jomabastos disse:

    Sociedade de Consumo!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Bárbara disse:

    Devemos muito ao nosso planeta e ele já está cobrando!

    Curtido por 1 pessoa

  3. bianaoliveira disse:

    É a pura verdade, nosso planeta está implorando por socorro. Triste pensar que nós o estamos destruindo. 😦
    Abraços amigo,
    Fabi

    Curtido por 1 pessoa

  4. Eu ainda acredito na humanidade 🙂

    Curtido por 1 pessoa

  5. Almerd Fancul disse:

    Somos o vírus da nossa própria destruição!!!! Em um ciclo sem fim, de vida e morte, nascer e morrer. linda poesia!!!! 😀

    Curtido por 1 pessoa

Obrigado pela visita, seu comentário é mais que importante é fundamental!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s