ORAÇÃO DE UM GUERREIRO


ORAÇÃO DE UM GUERREIRO

por Cláudio El-Jabel

 

O que seria?

 

O que seria da inteligência ao privar-se de outros olhares?

O que seria do universo ao seguir os mesmos padrões?

O que seria da natureza sem revelar suas erupções?

O que seria das dúvidas sem ter ao menos opiniões?

 

Tal qual seria então tudo igual,

Sem cor, nem contraste,

Sem brilho ou definição,

Tudo claro ou tudo escuro,

Tudo exato ou obscuro,

 

Diversidade é algo maravilhoso,

Cada qual com seu encanto,

Cada coisa em seu canto,

E ter mistérios a desvendar,

 

Isso provoca movimento,

Nos faz habilitar a compreensão,

Estudar e entender cada momento,

E definir com palavras em dissertação,

 

Ler, reler, tantas vezes quanto for necessário,

Sem obrigação de aprender,

Mas com obrigação de ser claro,

 

Referir-se a algo estranho, sem ao menos ter noção,

É falsear na base da observância,

É navegar em escuridão,

 

Aprender sempre, seja em qual área se apresente,

Tornar-se um ser mais completo e livre de ausência,

 

Não importa o tema abordado,

Nossa mente a tudo assimila com certa rapidez,

Em por menores o estudado,

Criando base de diálogo, para que o tema seja abordado,

 

Muitos não exercitam o diálogo, por medo, vergonha ou temor,

Acabam por tornarem-se papagaios e repetem a tudo o que viram,

Sem entender uma palavra, apenas por base de assunto,

Tornando-se gentes medíocres, inertes e plásticas,

Sem movimento, pensamento, nem intuição,

Pois não compreendem o tema descrito,

Gravando apenas na mente o velho refrão,

E balançando a cabeça pela vida, seguem sempre a mesma procissão,

 

Parecem máquinas sem sentimento, capacidade e razão,

Vivem como amebas sem pretensão de crescer,

Passando isso adiante em seus descendentes,

Que crescem como ervas daninhas a todo canto,

E passam a vida no lamento e dependentes,

Que haja sempre alguém a enxugar os seus prantos,

 

Não aprenderam a caminharem sozinhos,

Muito menos querem se esforçar,

Achando sempre tudo muito difícil,

Ou sem necessidade de explicar,

 

Seguem alguns não pela amizade e sim pela atração,

Seja ela da experiência ou apenas do dinheiro,

Querem estar na realeza, pertencer a algo ou grupo,

Querem comer a sobremesa sem lambuzar o beiço impuro,

 

Estudar faz parte do ser, escrever nem sempre é fácil,

Palavras não dizem muito, e não dão a razão de uma emoção,

É fácil se prender a um bom texto, mas cada qual terá sua interpretação,

Já presente do ser amado, amigo, ficamos em plena contemplação,

 

O que seria da verdade sem algumas fugas disfarçadas,

Disfarces estes sem prejudicar semelhantes, apenas desculpas sociais,

Sem alardes para não chocar ou tornar-se rude,

Sem magoar ou tomar atitudes,

 

O que seria da vida se não houvesse a maravilha do encanto,

O que seria das lágrimas se não houvesse quem enxugue nossos prantos,

 

Construir uma vida solitária de aparência é fácil,

Construir família e perdurar nas intempéries é bem diferente,

Não somos máquinas e sim gente,

Não temos formas definidas e sim adaptações conforme a natureza,

Não somos belos nem dragões, somos a força da existência,

Somos frágeis como o cristal, e refletimos nossos sonhos,

Mesmo ele não sendo tão igual,

Deus nos guia quando em abandono,

 

O que seria de nossa vida sem amigos de verdade,

Sem presença de espíritos e força para frear as maldades,

Palavras de apoio chovem como águas cristalinas,

Verbos de Deus a um filho abalado,

Força dos céus, anjos ao meu lado,

 

Obrigado amigos, pela força, fé e exatidão,

Em serem detentores da verdade e da verificação,

Em não se abalarem com palavras fúteis ou tendenciosas,

Em aguardarem a bonança para em futuro juntos darmos continuidade,

Em nutrirmos uns aos outros, com palavras de força, amor, fé e verdade,

 

Óh pai bondoso e cheio de amor, 
Abençoa meus amigos/as e mantenha-os sadios,
Com corações puros e sem temer as intempéries,
Fazendo-os guerreiros da Paz,
Quando este Guerreiro que vós falas, já não puder mais.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Sobre KAMBAMI

Uma metamorfose humana do conhecer e aprender. Simples porém exigente. Bem sobre o autor desse blog, me parece ser um cara legal, gosta de conversar, dar pitacos aqui e acolá. Procuro ser o mais sincero que a vida me permite, adoro amizades, sou tímido acreditem também uma metamorfose ambulante como diria Raul. Adoro cozinhar, mas na escrita sou mesmo comilão, como acento, concordância verbal, minha gramática de fato anda bem mal, mas sou um cara legal. Tenho muito gosto em escrever o que me vem à mente ou o que me chega aos ouvidos e visão, sou um observador nato desde minha aparição. Aqui é um palco de teatro não se engane há muito de quem escreve e muito de fantasia, mas não há bilheteria, então sinta-se a vontade, puxe sua cadeira e sente, estou quase sempre presente, me enrolo muitas vezes nessa de seguir quem me segue, me perco nesse mundo danado de internet. Não sou esnobe, sou pessoa bem simples, gosto da natureza, da boa mesa, do bom papo, não tenho hora, não uso relógio para controlar meu tempo, a muito me deixei ser levado ao vento, ora furioso que me derruba e machuca, ora bondoso que me embala em doçura. Chamo-me Cláudio El-Jabel, também podem me chamar de Kambami ou Kael, adoro distribuir carinho sem intenção outra que não seja da amizade ser bela, ser amiga, ser sincera, entendo que nossa vida é algo muito rápido e nem sempre dá tempo de nos conhecermos melhor, mas essa é minha apresentação, muito prazer, eu não esqueço vocês, já os tenho em meu coração, sejam bem vindo então.
Esse post foi publicado em POEMA, REFLEXÃO e marcado , . Guardar link permanente.

2 respostas para ORAÇÃO DE UM GUERREIRO

  1. Silvia Souza disse:

    Que poema lindo, Claudio!
    Ele retrata muito do que estou sentindo… e minha gratidão às pessoas que dão suporte, força, palavras de estímulo. Isso é algo que nenhum dinheiro no mundo pode comprar!
    🙂

    Curtido por 1 pessoa

Obrigado pela visita, seu comentário é mais que importante é fundamental!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s